Webdesigner

O webdesigner, ou também chamado de designer de web, é o profissional que cria ou desenvolve a parte gráfica ou estética de um site. Assim, o webdesigner elabora layouts e templates, ícones, procurando estruturar textos e imagens do modo mais estético e, principalmente, funcional e prático possível, de acordo com as orientações e necessidades do cliente. Para tal, este profissional utiliza de diversas técnicas, ferramentas e programas, como Adobe Photoshop,  Flash, Fireworks, Dreamweaver, etc, buscando criar um website agradável aos olhos e ao uso.

Webdesigner

Atribuições profissionais do Webdesigner

As principais atribuições ou atividades deste profissional são:

- Criação de templates e layouts funcionais
- Criar imagens, ilustrações, infográficos e animações para sites
- Realizar manutenção, atualização e produção de conteúdos para sites
- Desenvolver alternativas gráficas para estruturas já elaboradas ou em utilização
- Criar websites dentro de um conceito ou identidade de marca, utilizando logomarcas, ícones personalizados, cores, botões, textos, buscando o desenvolvimento de um projeto de comunicação visual para o site
- Desenvolver sites seguros, com mecanismos de segurança (para transações), estabilidade e confiabilidade
- Atualizar-se com relação a novas ferramentas e tecnologias para desenvolvimento web
- Realizar pesquisas de mercado, para apresentar as tendências aos clientes e também para conhecer a concorrência
- Realizar o orçamento dos projetos
- Reunir-se com o cliente para conhecer as suas necessidades e ideias para o projeto contratado ou a ser contratado

Formação profissional

Esta é uma profissão que não requer uma formação obrigatória para que se possa exercê-la. Entretanto, num mercado competitivo, o profissional com uma formação e constante atualização tende a se sobressair tanto ao buscar emprego, como atuando de modo freelancer. Para se tornar um webdesigner é possível cursar a faculdade de Tecnologia em Webdesign ou Design Gráfico ou realizar pós-graduação nessa área. De todo modo, é importante que o profissional domine as ferramentas mais utilizadas na criação de sites e seja criativo.

Quais características são necessárias para esta profissão?

- Criatividade
- Senso estético
- Sensibilidade artística
- Observação
- Senso crítico
- Bom gosto

O Mercado de Trabalho

O mercado para este profissional é amplo e em crescente expansão no país. Diversas empresas de publicidade, assessorias de imprensa, etc, buscam este profissional para trabalhar na elaboração de seus sites, de modo a estarem atualizados nas últimas tendências e conquistarem mais leitores. Jornais e revistas também procuram pelo webdesigner, tendo em vista que a mídia impressa tem perdido espaço para os conteúdos virtuais, e assim, há muito interesse em tranformar ou criar versões digitais de jornais e revistas impressas, que atingirão um público muito maior e sempre crescente. Além disso, diversas empresas, lojas, instituições, também buscam um espaço na internet, de modo a tornarem suas marcas e serviços mundialmente visíveis e acessíveis. O webdesigner pode também atuar criando blogs, sites, redes sociais e outros sistemas online também para si mesmo, ganhando com publicidade paga por acessos e/ou visualizações.

Faixa Salarial

O salário de um Webdesigner é muito variável, dependendo se o profissional trabalha empregado ou se é autônomo/freelancer. Em SP, por exemplo, o salário de um Webdesigner Júnior é de R$ 5.940,00, de um Sênior, R$ 8.770,00. Em cidades do interior esses valores podem ser até 30% menores. (Fonte: INFO Exame) Profissionais que atuam de modo autônomo ou freelancer terão rendimentos de acordo com o valor que cobram por projeto e pelo número de projetos que realizam por mês.

Cursos indicados para esta profissão