Quanto ganha uma vendedora do Brás?

Quanto ganha uma vendedora de loja do Brás
Quanto ganha uma vendedora de loja do Brás

O bairro do Brás na cidade de São Paulo é dedicado ao comércio de roupas, considerado o maior pólo de confecção no setor de vestuário do Brasil.

É composto por 55 ruas comerciais e mais de 5 mil lojas que funcionam como centros de distribuição e venda por atacado. É também onde fica localizada a famosa Feira da Madrugada, amplo mercado de roupas que abre antes do amanhecer. 

Sendo um grande centro comercial, oferece grande demanda de vagas de emprego para vendedores, podendo ser uma grande oportunidade para quem procura um trabalho na área. 

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

A seguir, confira quanto ganha uma vendedora do Brás, as habilidades mais valorizadas no setor e como montar o currículo ideal para encontrar um emprego na área. 

Qual o salário de uma vendedora do Brás? 

A média de remuneração de um vendedor de loja do Brás é em torno de R$ 18.600 ao ano, o equivalente a R$ 1.550 de salário mensal. Vendedores iniciantes na área ganham cerca de R$ 1.450, enquanto que os mais experientes chegam a receber R$ 1.790. 

Quer saber mais detalhes sobre as funções de um vendedor de roupas? Confira no próximo tópico. 

Quais as funções de uma vendedora do Brás?

O atendimento ao cliente é a base do trabalho de um vendedor de roupas. Para isso, é fundamental ter carisma, desenvoltura, ser simpático e atencioso e estar disposto a colaborar para que o cliente faça uma boa compra.

Um atendimento prestativo tem o potencial de fidelizar clientes e atrair novos consumidores para a loja de roupas. Ao ter uma boa experiência de compra, os clientes têm mais chances de promover a reputação do estabelecimento ao fazer elogios e recomendações. 

Entenda quais são as funções de uma vendedora

Além disso, também é importante que o vendedor tenha a famosa lábia e habilidades de negociação. As possibilidades de venda são ampliadas quando o vendedor sabe trabalhar de acordo com o que a situação exige, fornecendo descontos, oferecendo facilidades no pagamento e aproveitando da melhor forma as oportunidades de venda. 

Também é fundamental estar por dentro das novidades do mundo da moda. Como o bairro do Brás é um pólo do setor de vestuário no Brasil, as tendências chegam ali antes de qualquer outro ponto de vendas popular no país.

É preciso estar informado para oferecer os produtos com grande potencial, para dar dicas de uso e combinações e inspirar os compradores de forma inovadora e revolucionária. 

Ficar de olho em como funciona o mercado e no trabalho da concorrência também fazem parte da função de um vendedor de roupas, e são posturas que podem ajudar a alavancar as vendas no estabelecimento. A partir disso, é possível identificar as melhores soluções para o seu público-alvo e as carências da concorrência, o que te ajuda a sair na frente na disputa por novos consumidores. 

Outras atividades secundárias podem parecer menos importantes, mas na verdade são essenciais para manter a produtividade no trabalho e agilidade no atendimento, o que é o caso da organização, limpeza e decoração, tanto do ambiente da loja em si quanto do estoque e da vitrine.

Além de otimizar o trabalho, essas tarefas também ajudam a manter o ambiente agradável e acolhedor para que os clientes se sintam à vontade e possam fazer suas compras com calma. 

Ficou interessada em trabalhar como vendedora? Então confira a seguir como montar o seu currículo para procurar um emprego na área. 

Como montar um currículo atrativo de vendedora do Brás? 

Ao montar um currículo, é preciso entender a importância de que seja um documento atrativo, objetivo e de fácil leitura. Estabelecimentos comerciais como lojas de vestuário costumam receber currículos o tempo todo, por isso assume-se que o leitor vai olhar para o CV por pouco tempo. 

Saiba como montar um currículo atrativo de vendedora

Dessa forma, se não apresentar nenhum elemento ou informação que chame a atenção logo de cara, são grandes as chances de que o currículo seja descartado. Para evitar que isso aconteça, é preciso criar um CV que seja agradável de ler e destaque as informações mais importantes de forma estratégica. 

Como tornar um documento formal como um currículo em algo agradável de ler?

Algumas técnicas que podem ser usadas: use apenas uma ou duas fontes, que de preferência passem a sensação de seriedade e profissionalismo; evite encher o documento de informações em todos os espaços disponíveis, pois isso além de cansar a visão de quem vai ler, também passa uma impressão intimidadora; deixe o documento alinhado, com margens iguais nos dois lados; tente preencher as informações em uma única página, ou em duas, no máximo, se for necessário.

Você pode procurar um modelo que lhe agrade na internet para ter um direcionamento de como quer que o seu currículo fique esteticamente. Lembre-se que menos é mais, nada de escolher um modelo cheio de informações que possam atrapalhar na leitura. 

Na hora de montar o currículo, procure seguir o modelo de seções que os recrutadores estão acostumados a trabalhar, sendo elas: Cabeçalho, Introdução, Experiência, Educação, Habilidades e Informações extras (se necessário). 

Faça um cabeçalho simples, contendo seu nome completo, posição desejada e informações para contato. Na introdução, escreva resumidamente sobre a sua experiência prévia e seu perfil profissional. Em seguida, detalhe suas experiências de trabalho começando pela mais recente, selecionando as mais importantes, se for necessário.

Coloque a função ocupada, o nome da empresa e o tempo de serviço. Na parte referente à educação, coloque a sua formação escolar e o nome da instituição onde foi realizada.

Caso tenha realizado cursos profissionalizantes, informe também. Quanto às habilidades, você pode citar aquelas que você acredita serem mais atrativas para a vaga em questão, por exemplo: comunicativa, habilidades de negociação, conhecimento do mercado da moda, etc. Mas não vale fazer propaganda enganosa, hein?! 

Para entregar o seu currículo, envie para o e-mail do estabelecimento ou deixe na loja. Essa segunda opção pode ser a mais interessante, já que ao ir pessoalmente na loja você demonstra interesse e possibilita que o lojista te conheça pessoalmente, o que pode causar uma ótima primeira impressão; Caso opte por enviar o currículo online, certifique-se de salvá-lo no formato PDF para evitar que o documento fique desconfigurado. 

Seguindo essas dicas, você vai montar um currículo atrativo, eficiente e que vai te possibilitar a oportunidade de sair na frente da concorrência para as vagas de vendedoras nos estabelecimentos de sua escolha. Um currículo bem feito é o primeiro passo para conquistar o emprego que você deseja. Mãos à obra e boa sorte! 

Curso de Vendedor de Loja Online Grátis

Ter um curso no currículo pode ser um fator diferencial e decisivo na hora da contratação de alguém. Você já pensou em ter um curso para somar à sua experiência profissional com certificado válido em todo o território nacional? Aqui na PRime Cursos você faz um curso online de Vendedor de Loja, gratuitamente.

No urso você vai conseguir aprender os fundamentos teóricos de um bom vendedor, somados aos 8 pilares de atitudes vencedoras de vendedores que irão te ajudar a bater as metas de vendas com sucesso. Um diferencial do curso é o módulo de equipe de vendas, que ajuda a desvendar os mistérios do trabalho em equipe. Legal, né?

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.