Linguagem corporal na entrevista de emprego

A linguagem corporal pode dizer muito sobre uma pessoa, e ás vezes, até mais do que seu discurso.

A entrevista de emprego é um momento muito importante para qualquer pessoa. E além de ser uma boa oportunidade para utilizar o seu marketing pessoal e mostrar suas experiências profissionais, é um momento decisivo que exige muita atenção.

Alguns cuidados são fundamentais na hora da entrevista, e até já fizemos diversos artigos aqui no blog com dicas poderosas. Porém, você sabe como se portar de forma correta neste momento tão importante?

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

A imagem transmitida pela linguagem corporal é tão relevante quanto o que você fala e o que coloca no currículo.

O jeito que você olha para o entrevistador, a maneira como você se senta, e suas gesticulações enquanto fala, são apenas alguns exemplos de linguagem corporal.

E acredite, os entrevistadores são preparados para interpretar esses sinais.

É possível transmitir muita personalidade através dos gestos. Se uma pessoa está muito nervosa, por exemplo, é fácil reconhecer isso.

Provavelmente esta pessoa pode suar, falar de forma acelerada, mexer as pernas enquanto está sentada, gesticular muito ou gaguejar.

O bom é que é possível se preparar para a entrevista, e ficar consciente da linguagem corporal que estará passando para o entrevistador. Para ajudar, selecionamos algumas dicas de linguagem corporal que podem ajudar, veja abaixo:

Sorria ao cumprimentar

Seja simpático, mas nunca forçado. A primeira impressão é muito importante, então ao entrar na sala para a entrevista de emprego, sorria naturalmente para todos os presentes. Isso passa segurança, simpática e autoconfiança.

Pode até parecer algo bobo, mas saiba que é de extrema importância para criar um vínculo interpessoal imediato.

Tenha uma postura ereta

Tanto em pé, quanto sentado, lembre-se de manter uma boa postura ereta. Quando sentar, mantenha as costas eretas ou ligeiramente inclinada na direção do entrevistador. Isso faz com que você demonstre interesse na situação, e manter uma boa postura é fundamental para qualquer profissional.

Cuidado também com a sua posição na cadeira. Agarrar os braços da cadeira pode transmitir ansiedade e insegurança.

E se recostar para trás ao ouvir um comentário ou pergunta, pode demonstrar uma postura defensiva, como se você não aprovasse o que o entrevistador está falando.

Mantenha sua coluna ereta, mas com moderação e naturalidade. O ideal é o equilíbrio, ou seja, seja flexível e não permaneça muito rígido. Utilize movimentos corporais discretos durante a entrevista.

Cuidado com o nervosismo

No dia anterior, relaxe e se prepare para a entrevista. E antes de sair de casa, se precisar, medite por alguns minutos. Isso te ajudará a manter a calma durante a entrevista. Veja um artigo aqui no blog sobre a importância do mindfulness!

Se ainda assim se sentir muito nervoso ou ansioso, evite algumas atitudes que demonstram esses sentimentos, como usar o celular, roer as unhas, ficar mexendo com em colares, relógios e pulseiras, morder a ponta da caneta, etc.

Gesticule com moderação

Cuidado para não ficar totalmente parado, e nem exagerar nas gesticulações. Gestos são recomendados, mas com moderação.

Gesticular de forma exagerada pode demonstrar para o entrevistador que você é uma pessoa pouco equilibrada, e até teatral.

Mantenha a calma e seja natural e espontâneo, sem excessos.

Tenha um aperto de mãos firme

Não chegue apertando as mãos do entrevistador, espere que ele cumprimente você primeiro. E sempre com a mão firme, para passar confiança a ele.

Olhe para a pessoa enquanto fala

Olhar para o celular? Para os quadros na parede? Para a decoração do ambiente? Nada disso. Olhe para o entrevistador por cerca de 70 % do tempo, demonstrando sempre confiança e interesse.

Apenas tenha cuidado para não fixar exageradamente o olhar na outra pessoa, para não gerar constrangimento.

Tenha o cuidado de distribuir o olhar por todos se for entrevistado por mais de uma pessoa.

Concorde delicadamente com a cabeça

Enquanto o entrevistador está falando, lembre-se de fazer pequenos sinais de concordância com a cabeça. Novamente, faça de forma moderada, e não constante.

O equilíbrio é o segredo para uma boa entrevista. Concordar discretamente com a cabeça faz com que você pareça interessado, além de facilitar e conexão pessoal.

Outra dica importante é ter cuidado com o queixo. Mantenha-o na posição horizontal, paralelo ao chão. Além disso, não deixe a cabeça caída, pois inclinada para baixo pode passar uma sensação de desânimo ou cansaço.

Manter a cabeça erguida e os ombros ligeiramente para trás, com boa postura, demonstrará confiança e autoestima.

Demonstre confiança

Uma das dicas mais importantes de linguagem corporal é demonstrar confiança. Então, ao chegar e ao sair da sala, demonstre confiança. Arrume os seus pertences com calma, sem pressa e ansiedade, para não parecer que você deseja fugir da situação.

Assim que o entrevistador apertar sua mão para se despedir, retribua, vire-se e saia com calma.

Se a porta estava fechada, lembre-se de fechá-la ao sair. Se possível, faça isso olhando uma última vez para o entrevistador e finalizando a entrevista com um sorriso.

Mantenha um tom de voz controlado

O seu tom de voz diz muito sobre você. Cuidado para não falar muito alto, nem muito baixo. Além disso, mantenha um ritmo controlado. Fale com calma, mas não muito devagar. O tom de voz do candidato pode transmitir desânimo ou entusiasmo.

E então, gostou das dicas de linguagem corporal para a entrevista de emprego?

Não se esqueça de deixar seu comentário!

Prime Cursos

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

9 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia parabéns gostei muito com essas informações voceis mim ajudou muito .não sabia muito desses ponto tão importante com essas informações confidenciais noa tem com um candidato noa ser aprovado na entrevista muito obrigada Deus abençoe a todos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui