Modelo de Plano de Aula

Fazer um modelo de plano aula pode trazer praticidade para o dia a dia do professor!

Fazer um modelo de plano de aula pode ser muito interessante para qualquer professor. Afinal, educar e passar conhecimento é uma enorme responsabilidade, e é ele o responsável pelo conteúdo que irá ensinar ao aluno, não importa qual assunto lecione.

Dessa forma, com um bom planejamento o professor se sentirá mais preparado para compartilhar conhecimento e responder os diversos questionamentos que podem acontecer na sala de aula.

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

O QUE É

O plano de aula é um documento com a descrição específica de tudo o que o professor irá passar em sala de aula durante um período determinado, tendo como objetivo melhorar a sua prática pedagógica e o aprendizado dos alunos.

Tanto no ensino presencial, como também para cursos online no Ensino a Distância (EAD), é muito importante que o professor tenha um modelo de plano de aula para que consiga se guiar e compartilhar o conteúdo da melhor maneira possível para seus alunos.

Fazer um modelo de plano aula pode trazer praticidade para o dia a dia do professor!

A IMPORTÂNCIA DE TER UM PLANO DE AULA

Um plano de aula é um instrumento de extrema importância para professores. Além de servir de guia e ter como propósito aprimorar a prática pedagógica e o aprendizado dos alunos, montar um modelo de plano de aula é a melhor maneira de obter análises sobre os métodos de ensino.

Afinal, se o objetivo não estiver sendo alcançado do jeito que gostaria, basta parar, reavaliar os métodos, tentar entender o que pode estar dando errado e dessa forma, criar um novo plano de aula.

COMO FAZER UM MODELO DE PLANO DE AULA

Agora que você já sabe o que é um plano de aula, vamos ver como montar um! Antes de tudo o professor deve escolher a metodologia que deseja utilizar. Isto é, decidir qual caminho deseja trilhar para alcançar seus objetivos nas aulas. Existem duas ferramentas que podem ajudar:

Recursos didáticos

Recursos didáticos são todas as ferramentas que o professor irá utilizar na hora de passar o conteúdo em sala de aula. Ou seja, são instrumentos que podem melhorar a sua metodologia, como, por exemplo: apresentar filmes ou documentários em sala de aula, ou utilizar e-books em cursos EAD.

Em resumo, esses recursos servem para aprofundar algum tema explicado. As avaliações e trabalhos também se encaixam aqui. Elas devem ser aplicadas para avaliar se o assunto explicado foi bem absorvido pelos alunos.

Estratégias

Antes de escolher os recursos didáticos e as estratégias que serão utilizadas, o ideal é conhecer quem é o seu aluno. Ou seja, saiba para quem você está dando aula. Avalie a idade, o comportamento e outras características de seus alunos.

Fazer uma aula expositiva dialogada, brainstorming, fórum, estudo de caso ou ensino com pesquisa são algumas estratégias que podem ajudar a seguir o caminho com mais facilidade. Porém, o ideal é fazer de acordo com cada assunto, porque nem sempre um tema mais sério, por exemplo, pode combinar com um filme de animação.

Agora, se você quiser se destacar e ser lembrado, saiba que um dos métodos mais infalíveis para se conquistar um aluno é fazendo ele rir. A maioria das pessoas costuma lembrar daqueles professores engraçados, que usavam bons exemplos e até piadas para ensinar o conteúdo.

Aulas divertidas podem ajudar no aprendizado dos alunos!
Aulas divertidas podem ajudar no aprendizado dos alunos!

PASSO A PASSO — MODELO DE PLANO DE AULA

1º Passo: Identificação

Aqui você deve colocar o nome do curso, nome da disciplina, nome da instituição, quais turmas irão aprender esse assunto, enfim, todas as informações básicas.

2º Passo: Tema

Aqui você deve colocar o tema que será ensinado em uma determinada aula. Não estamos falando para colocar o assunto que será abordado no curso inteiro, apenas em uma aula, ok? Entretanto, o tema dessa aula deve estar de acordo com a grade curricular.

3º Passo: Objetivo

Analise o que você deseja alcançar ao final de cada aula. Para responder, faça a seguinte pergunta: “o que eu desejo que os alunos aprendam nesta aula?”.

4º Passo: Conteúdo

Aqui deve ser colocado todo o conteúdo que será utilizado em cada aula. E não apenas a matéria em si, como também exemplos e informações que se aproximem da realidade do aluno.

5º Passo: Metodologia

É o método que será utilizado em cada aula, ou seja, a maneira que o professor irá ensinar aquele tema. Exemplos: debates, trabalhos em grupos, estudos de caso, etc.

6º Passo: Cronograma

Tente avaliar quanto tempo leva cada tema e quanto tempo você vai precisar para explicá-lo. Assim, elabore um cronograma com datas, prazos e horários.

7º Passo: Avaliação

A avaliação é fundamental para analisar o entendimento da turma. Existem diversas maneiras de avaliar, como, por exemplo, aplicar provas, exercícios, debates, etc.

8ª Passo: Referências

É bem importante colocar quais fontes foram utilizadas para a elaboração do conteúdo que foi passado. É possível compartilhar essas referências ao fim de cada aula. Assim, os alunos podem se aprofundar mais naquele assunto.

Para ajudar, veja abaixo dois modelos prontos que você pode utilizar. Veja abaixo:

modelo de plano de aula
modelo de plano de aula

Por fim, entenda que criar um modelo de plano de aula envolve objetividade e dedicação.

No entanto, começar o período de aulas com um bom planejamento, ou seja, já sabendo quais assuntos serão abordados e como isso vai acontecer, pode melhorar muito o desempenho do professor e, como consequência, dos alunos.

Se você gostou do artigo, deixe seu comentário!

Prime Cursos

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

6 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde! Muito bom. Amei! Eu sou Professora e estou desempregada. Mas estou sempre mim atualizando sobre os assuntos pedagógicos. E esse assunto de plano de aula foi ótimo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui