Qual é o salário de uma Secretaria de consultório médico e quais fatores influenciam nesse valor?

a limpeza do local também é importante, e o ambiente deve estar sempre organizado e livre de sujeiras
a limpeza do local também é importante, e o ambiente deve estar sempre organizado e livre de sujeiras

Embora os médicos e profissionais da saúde sejam extremamente importantes para o funcionamento de uma clínica médica, os profissionais que atuam recepcionando os pacientes e auxiliando a gestão do estabelecimento também são essenciais. Mas você sabe qual o salário de uma secretária de consultório médico?

Além de ter o primeiro contato com o paciente, é a secretária que zela pelo bem-estar e conforto da sala de espera, assim como cuida de fatores importantes como o clima e distrações dentro do ambiente. Porém, mais do que isso, a secretaria também é responsável pela organização da agenda dos médicos, sendo essencial para que não haja confusão na hora de marcar consultas e retornos.

Veja a seguir quanto uma secretária de consultório médico recebe e quais fatores influenciam nesse valor!

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

Qual o salário de uma secretária de consultório médico?

O salário médio desses profissionais gira em torno de R$1290 no Brasil, podendo começar com R$1050 e exceder os R$1800, dependendo da clínica de atuação e da experiência profissional.

Quais são os fatores que influenciam no salário de uma secretária de consultório médico?

Competitividade de mercado

A competitividade de mercado é um dos principais fatores que influenciam nesse valor. Afinal, se os concorrentes pagam um valor acima do que uma clínica oferece, certamente o local não encontrará profissionais para preencher a vaga, mesmo que ainda ofereça um local de trabalho agradável e benefícios.

oferecer apenas um ambiente agradável pode não ser o suficiente na hora de encontrar uma profissional qualificada
oferecer apenas um ambiente agradável pode não ser o suficiente na hora de encontrar uma profissional qualificada

Isso faz com que grande parte das clínicas de uma região tenha que se adequar ao salário oferecido para o cargo, a fim de não ficar nem abaixo, nem acima.

Nível de exigência

Enquanto algumas clínicas necessitam apenas de uma pessoa para recepcionar os pacientes e agendar horários, outras optam por contratar profissionais com conhecimentos mais avançados em informática para atuar com sistemas mais complexos.

Além disso, em determinadas cidades pode até mesmo ser necessário conhecimento de línguas estrangeiras como inglês e espanhol, já que em grandes metrópoles algumas clínicas costumam atender também pacientes estrangeiros.

A partir dessas exigências o salário tende a aumentar de maneira proporcional, o que significa que quanto mais conhecimento e habilidades você tiver, maiores as chances de ter um salário maior do que o praticado no mercado.

Hoje em dia, por exemplo, a maioria das clínicas já levam em consideração profissionais que possuem cursos técnicos, já que nesses casos o profissional já está qualificado e tem um grande conhecimento sobre a área e suas funções.

Experiência

O nível de experiência também é algo determinante no salário de uma secretária, assim como na maioria dos cargos. Quanto maior a experiência, maior será o salário, já que nesses casos os gastos com treinamentos são menores. 

Além disso, quanto mais experiente for a secretária, menores são as chances de erros e mais rápidas serão feitas as operações dentro do consultório. A experiência também auxilia a secretária a lidar com contratempos e situações adversas, assim como saber a melhor maneira de lidar com os pacientes.

Estados

O salário também tende a variar de acordo com a região e estados brasileiros, sendo:

São Paulo 

Piso salarial

1.252,59

Média salarial

1.372,41

Teto salarial

2.074,03

Minas Gerais

Piso salarial

1.126,63

Média salarial

1.234,41

Teto salarial

1.865,47

Rio de Janeiro

Piso salarial

1.252,65

Média salarial

1.372,48

Teto salarial

2.074,14

Paraná

Piso salarial

1.176,07

Média salarial

1.288,58

Teto salarial

1.947,33

Rio Grande do Sul

Piso salarial

1.247,10

Média salarial

1.366,40

Teto salarial

2.064,95

Santa Catarina

Piso salarial

1.325,31

Média salarial

1.452,09

Teto salarial

2.194,45

Bahia

Piso salarial

1.069,68

Média salarial

1.172,00

Teto salarial

1.771,17

Goiás

Piso salarial

1.123,42

Média salarial

1.230,89

Teto salarial

1.860,16

Pernambuco

Piso salarial

1.086,52

Média salarial

1.190,46

Teto salarial

1.799,07

Ceará

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.136,38

Teto salarial

1.717,33

Distrito Federal

Piso salarial

1.116,58

Média salarial

1.223,39

Teto salarial

1.848,83

Mato Grosso

Piso salarial

1.086,11

Média salarial

1.190,01

Teto salarial

1.798,38

Espírito Santo

Piso salarial

1.133,91

Média salarial

1.242,38

Teto salarial

1.877,52

Mato Grosso do Sul

Piso salarial

1.122,27

Média salarial

1.229,63

Teto salarial

1.858,26

Pará

Piso salarial

1.056,19

Média salarial

1.157,22

Teto salarial

1.748,83

Paraíba

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.088,05

Teto salarial

1.644,29

Amazonas

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.123,28

Teto salarial

1.697,54

Rio Grande do Norte

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.100,68

Teto salarial

1.663,38

Sergipe

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.089,16

Teto salarial

1.645,97

Maranhão

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.091,32

Teto salarial

1.649,23

Alagoas

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.100,05

Teto salarial

1.662,43

Piauí

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.101,34

Teto salarial

1.664,37

Rondônia

Piso salarial

1.060,32

Média salarial

1.161,76

Teto salarial

1.755,69

Tocantins

Piso salarial

1.048,94

Média salarial

1.149,28

Teto salarial

1.736,83

Acre

Piso salarial

1.052,33

Média salarial

1.152,99

Teto salarial

1.742,44

Amapá

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.095,73

Teto salarial

1.655,90

Roraima

Piso salarial

1.045,00

Média salarial

1.075,59

Teto salarial

1.625,46

O que é preciso para ser uma secretária de consultório médico?

A profissão de secretária é regulamentada no Brasil, o que quer dizer que é necessário realizar um curso de secretariado em instituições de ensino presencial ou online, desde que sejam reconhecidas pelo MEC (Ministério da Educação).

atualmente muitas empresas solicitam que as secretárias tenham curso de secretariado
atualmente muitas empresas solicitam que as secretárias tenham curso de secretariado

Hoje em dia existem dois cursos diferentes do ramo: o técnico e o superior. O técnico normalmente é feito por profissionais que estão ingressando na profissão agora e que gostariam de aprender mais e se qualificar para começar a atuar no ramo. Por ter uma duração menor e ser considerado um curso de nível médio de conhecimento, é uma excelente opção para quem quer iniciar como secretária sem investir muito tempo ou dinheiro.

Existe também a opção de fazer um curso superior em secretariado, tanto de bacharelado, com duração de quatro anos, como tecnólogo, com duração de dois anos. Porém, esses cursos normalmente são voltados para quem já trabalha na área e deseja se especializar ainda mais.

Depois de ver mais sobre qual o salário de uma secretária de consultório médico, não deixe de pesquisar sobre o cargo se você se interessou pela área. Além disso, também é importante buscar por cursos de secretariado para se especializar no assunto e desenvolver habilidades e conhecimento necessário para atuar na área e enriquecer o currículo, o que consequentemente aumentará o seu salário inicial.

Curso de Secretária de Consultório Médico Online Grátis

A atividade de secretária de clínica médica ou de consultório médico tem fundamental importância para o bom andamento das atividades desenvolvidas na instituição. É este profissional que irá contribuir com a organização das atividades, bem como participa da qualidade do atendimento prestado pela clínica.

A (o) secretária (o), geralmente, é a primeira a ter contato com o cliente ou paciente e portanto, torna-se responsável pelo bem-estar dos mesmos enquanto esperam o atendimento médico. Dessa forma, uma clínica médica que não preza pela qualidade de sua recepção estará, certamente, espantando sua exigente clientela: os pacientes.

Este curso irá lhe ensinar as boas práticas de atendimento de uma secretária de clínica ou consultório médico, desde a forma correta de abordagem interpessoal, recepção, bem como o bom relacionamento com o médico e demais atividades diárias.

Aproveite e comece agora na Prime o seu Curso de Secretária de Consultório Médico Básico 100% Gratuito!

Cursos Gratuitos com Certificado da Prime

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui